terça-feira, 2 de agosto de 2011

Hospital Anita Gerosa receberá o título "Hospital Amigo da Criança"

O Hospital Anita Gerosa, em Ananindeua, será o 11º hospital do Pará a receber o título "Hospital Amigo da Criança". A entrega da placa acontece nesta quarta-feira, 03, a partir das nove horas. A cerimônia compõe a programação da Semana Mundial de Aleitamento Materno, realizada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) até o dia 06.
O título "Hospital Amigo da Criança" é normatizado pelo Ministério da Saúde (MS), Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e Organização Mundial de Saúde (OMS) e é concedido aos hospitais que cumprem os Dez Passos para o sucesso da amamentação.
A última etapa da avaliação foi feita, nos dias 9 e 10 de fevereiro deste ano, pela médica pediatra Sônia Salviano, que é avaliadora do MS para a Iniciativa Hospital Amigo da Criança. O trabalho foi acompanhado de perto pelos integrantes da Coordenação Estadual de Saúde da Criança da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).
O processo de credenciamento junto ao Ministério da Saúde (MS) começou quando o médico Helio Franco, hoje secretário de Saúde, era presidente da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará. O primeiro treinamento foi realizado pela nutricionista Eunice Begot, hoje integrante do Colegiado de Gestão da Sespa.
Hoje administrado pela Sociedade Beneficente São Camilo, o hospital Anita Gerosa foi fundado há 39 anos e tem 96 leitos com especialidade em Ginecologia, Obstetrícia e Pediatria. Mantém 99 funcionários, além de 15 médicos, que dão conta de uma média anual de 44.400 atendimentos, incluindo partos e cirurgias.
No Pará, já receberam o título de "Hospital Amigo da Criança" as seguintes instituições: Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, Hospital Benemérita Sociedade Beneficente Portuguesa, Hospital Venerável Ordem Terceira e Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna, em Belém; Hospital e Maternidade Sagrada Família, em Santarém; Hospital Geral de Bragança, Hospital Santo Antonio Maria Zaccaria e Hospital das Clínicas, em Bragança; Hospital Santo Antônio, de Alenquer; e Hospital Divina Providência, em Marituba.
Todos eles, além do hospital Anita Gerosa, cumpriram os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno em conformidade com o protocolo da Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças de Primeira Infância, Bicos, Chupetas e Mamadeiras (NBCAL), em vigor pela Lei 11.265/2006:
1) Ter normas e rotinas de incentivo ao aleitamento materno, expostas em quadros e cartazes para que todos possam conhecê-las;
2) Capacitar toda a sua equipe para apoiar e ajudar as mulheres em todas as fases da amamentação;
3) Orientar, durante o acompanhamento pré-natal, sobre as vantagens da amamentação, a importância de o bebê mamar logo ao nascer, a prevenção de dificuldades, além de outros assuntos que vão ajudar a futura mãe a ter uma amamentação mais duradoura e prazerosa;
4) Estimular o início da amamentação na primeira hora de vida e o contato prolongado pele a pele entre a mãe e o bebê, desde o nascimento;
5) Mostrar às mães como amamentar e manter a amamentação, mesmo quando houver necessidade de a mãe e o bebê ficarem separados;
6) Oferecer aos recém-nascidos apenas o leite materno, garantindo que outros leites e líquidos só sejam oferecidos em situações excepcionais, por indicação médica;
7) Garantir que mães e bebês permaneçam em alojamento conjunto 24 horas por dia;
8) Orientar que os bebês sejam amamentados sempre que quiserem, e o quanto quiserem;
9) Não oferecer chupetas, chucas ou mamadeiras aos bebês;
10) Promover a formação de grupos de apoio à amamentação e encaminhar as mães a esses grupos na alta da maternidade.


fonte:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário